DICAS PARA MELHORAR A BUSCA DE EMPREGO

Verifique o que é essencial para encontrar uma nova oportunidade de trabalho.
Por Cristina Spera
Procurar emprego é um emprego de período integral e exige muito empenho e constate atualização com as tendências do mercado. Aqui vão algumas dicas que podem melhorar sua busca por uma nova oportunidade de carreira: Estabeleça uma rotina e não saia dela. Tenha um horário de expediente para procurar emprego. Prepare um lugar em casa, com telefone e computador (se possível) e defina objetivos diários a atingir: enviar tantos cvs para empresas de determinado setor, entrar em contato com pessoas que podem efetivamente lhe ajudar de imediato; verificar formas de ampliar sua rede de contatos, etc.
Mesmo sem sair de casa, comporte-se como se estivesse trabalhando. E encare a busca por emprego como uma atividade comercial, em que você procura clientes interessados num “produto” específico – você. Mantenha a forma. È claro que se estiver desempregado, será difícil gastar com academia de ginástica, cabeleireiro, etc. Mas, você pode fazer caminhadas todas as manhãs, antes de “pegar nobatente” para procurar emprego. E exercitar-se em casa mesmo, no fim do dia. Quanto ao vestuário, não é preciso usar grifes para apresentar-se bem. Roupas adequadas ao seu tipo físico e ao ambiente de trabalho são mais do que suficientes para garantir o item “boa aparência”.
Leia muito. Se tiver acesso à internet, procure informar-se sobre economia e política, lendo os principais portais. Tendências sobre o mercado de trabalho também podem ser obtidas na rede. Mas você também deve ler livros sobre assuntos de seu interesse – e não precisam necessariamente vincular-se a interesse profissional. A leitura ajuda ao profissional manter a cabeça estimulada num momento tão delicado da vida. Use o telefone sem medo. Muita gente já perdeu excelentes oportunidades porque se sentiu envergonhada de ligar para determinadas empresas. Não entre nessa. Melhor do que enviar currículo é conversar diretamente com quem decide, seja o recrutador, seja o responsável pela área que tem a vaga em aberto. Assim, por meio de sua rede de contatos, vá angariando nomes de profissionais que podem lhe dar outras indicações. Uma hora, você acerta. Freqüentes cursos e eventos. Tudo bem, não estamos falando de eventos e cursos pagos. Mas há sempre uma série de seminários e palestras grátis que lhe dão oportunidade de ampliar sua rede de contatos e de manter-se atualizado sobre uma série de temas. Não deixe de freqüentá-los. Guarde informações sobre as empresas que lhe interessam. Para isso, é mais fácil realizar pesquisas sobre os diversos setores em que elas atuam e, se for chamado para uma entrevista, buscar informações sobre aquela empresa específica. Assim, você sempre terá dados globais por área de atuação que poderão ser cruzados com aqueles que você obtiver da empresa, demonstrando ao entrevistador que você é capaz de elaborar raciocínios estratégicos. Diga sempre “obrigado pela atenção. Você conversou com a recepcionista de uma empresa? O chefe do departamento de pessoal? O diretor da área onde pretende trabalhar? Agradeça a cada um a atenção dispensada. Não importa a hierarquia, o agradecimento é fundamental. E abre muitas portas. Você poderá verificar da próxima vez que precisar entrar em contato esta empresa. Faça anotações. Participou de uma entrevista? Anote em uma agenda ou caderno de notas o dia da entrevista, com quem conversou o que conversaram e suas impressões sobre a conversa. Entrou em contato com alguém da sua network? Proceda da mesma maneira. Anote dia e hora do contato, o que conversaram e o resultado obtido. Em pouco tempo, você terá a “memória” da sua busca de emprego para poder planejar melhor suas próximas ações. Faça trabalho voluntário. O Brasil já está cheio de oportunidades no chamado Terceiro Setor. Com isso, você ocupa parte do seu tempo e desenvolve algumas habilidades, além de prestar um serviço relevante para a sociedade. Esteja sempre pronto para o imprevisto. A oportunidade pode aparecer até mesmo num encontro informal. Esteja preparado para “agarrá-la”.

0