Saiba como conseguir um emprego, mesmo que você não tenha experiência


Embora a lei acrescentada no novo artigo da Consolidação das Leis de Trabalho (CLT), determine que o período exigido para contratos profissionais não possa ultrapassar seis meses, conseguir um emprego sem experiência comprovada ainda não é uma das tarefas mais fáceis.

A iniciativa privada afirma que contratar alguém "não experiente" exige um esforço maior, pois o candidato nunca foi submetido a um regime formal de trabalho, com cumprimento de metas e objetivos. Por este motivo, você pode encontrar alternativas para obter um pouco de experiência, que pode acabar contando pontos a seu favor numa possível entrevista de emprego:

Trabalho voluntário

Hoje é muito comum encontrar ONGs e entidades sem fins lucrativos que naturalmente necessitam de mão-de-obra. Procure por vagas em área em que você deseja ter experiência. O retorno financeiro deve ficar, a princípio, em segundo plano, pois o que importa é adquirir conhecimento e experiência.

Cursos e certificados

Comprovar que você é uma pessoa dinâmica lhe dá um crédito a mais no momento da entrevista. Infelizmente buscar certificação não envolve apenas força de vontade, é preciso, em muitos casos, desembolsar algum dinheiro. Procure inscrever-se em cursos, palestras, grupos de discussão... enfim, procure certificar-se. Mas tenha em mente que "certificação" não substitui experiência e nem comprova competência, mas pode determinar uma contratação, caso haja um empate entre você e outro candidato menos preparado.

Freelance ou autônomo

Você pode enriquecer seu currículo ou portfólio atuando como freelance ou autônomo. A remuneração vai depender da atividade e do tempo que você está disposto a dedicar. Entretanto, avalie com bastante critério, pois nem todas as áreas oferecem essa possibilidade.

Estágio e programa de aprendizado

Muito cuidado nesse tópico! Algumas escolhas podem significar boas possibilidades de crescimento, outras simplesmente formas encontradas pela empresa de obter mão-de-obra barata. Procure escolher empresas que sejam referência na área que você deseja trabalhar. Avalie a chance de ser contratado a médio / longo prazo, mas se essa chance não passar de mera ilusão tente buscar o máximo de conhecimento e tente enriquecer seu currículo. Lembre-se também que, a depender da escolha, a remuneração pode não ser o principal atrativo.

O comércio pode ser uma boa alternativa

Algumas empresas - dependendo da área - costumam dar preferência para pessoas que, se não tiverem experiência na área, pelo menos já viveram a rotina de serem empregadas. Neste ponto, trabalhar no comércio pode representar uma grande oportunidade.

Esforce-se

Não existe nada mais frustrante do que uma pessoa acomodada. Desemprego não é sinônimo de impotência ou incompetência. Neste momento você precisa ser seu juiz e identificar os pontos que você precisa melhorar e, acima de tudo, esforçar-se. Leia mais, pesquise, contribua com sites, compareça a eventos, participe de lista de discussão ao invés de passar o dia navegando no Orkut.

Perceba que as dicas acima não se comprometem a oferecer resultados imediatos, nem garantias de que você terá uma carreira promissora na sua área. A idéia principal, é mostrar que você pode alcançar seus objetivos dando passos certos ao invés de saltos desordenados.

Adaptado do Original
0